Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2017

DUALIDADE E SÌMBOLOS ESOTÉRICOS

Imagem
DUALIDADE E SÍMBOLOS ESOTÉRICOS
As Suásticas e o Yantra

As suásticas são símbolos provenientes do hinduísmo, dos gregos e de várias religiões. Simbolizam a prosperidade, as energias positivas. Simbolizam a vitória do bem acima do mal e são utilizadas no festival de Diwali (o Festival das Luzes), na Índia. As pessoas usam roupas novas, fazem símbolos e desenhos no chão com areia colorida e flores, decoram tudo com velas, soltam fogos de artifício e celebram a vitória de Krishna sobre o demônio Narakasura.

Uma foto de Diwali, o ano novo hindu

Aqui neste vídeo uma linda suástica hindu sendo feita com flores para o festival de Diwali.

Uma foto de uma suástica do Diwali feita de areia.


Como fazer uma suástica de Rangoli para o festival de Diwali.


Infelizmente, uma delas ficou conhecida com o nazismo, com conotação negativa. Logo, utilizando uma paródia ao que Bono Vox fez com Helter Skelter dos Beatles em Rattle and Hum, ele disse, "Esta é uma canção que Charles Manson roubou dos Beatl…

DUALIDADE E SIGNOS DO ZODÍACO

Imagem
DUALIDADE E SIGNOS DO ZODÍACO
Signos e elementos


Cada signo corresponde a um dos quatro elementos água, terra, fogo e ar. Eles obedecem aos opostos dos elementos. Assim, os signos do fogo se opõem aos signos da água. Os signos da terra se opõem aos signos do ar.

Os signos do fogo são áries, leão e sagitário simbolizados pela cor vermelha neste diagrama acima. São pessoas com temperamento forte e centrados em si mesmos. Conseguem resolver os problemas muito facilmente.

Os signos da água são câncer, peixe e escorpião simbolizados pela cor azul claro. São muito intuitivos e precisam sentir tudo, pelas emoções e sentimentos.

Os signos do ar são libra, gêmeos e aquário simbolizados pela cor roxa ou azul escuro. Os signos do ar são muito comunicativos, gostam de se relacionar e são os mais humanos do zodíaco.

Os signos da terra são capricórnio, touro e virgem são simbolizados pela cor marrom. São pessoas mais pé no chão, que acreditam no mundo físico, em tudo o que se pode tocar e sentir pel…

DUALIDADE NO MUNDO EMOCIONAL E ESPIRITUAL

Imagem
DUALIDADE NO MUNDO EMOCIONAL E ESPIRITUAL
A dualidade do bem e do mal é muito vasta. Definir o que é o mal apenas como sofrimento também não dá certo. Afinal, há sofrimentos que aparecem para o bem, há males que vem para bem, para o aprendizado. Podemos pensar assim no conceito de aprendizado para a dualidade do bem e do mal.


Ao lidarmos com a dualidade com relação aos conceitos espirituais e emocionais, o processo é um pouco diferente da dualidade no mundo físico. Esta decomposição conceitual serve para resolvermos nossas questões internas.
A cada vez que deparamos com uma questão, entramos na dualidade. Nossa mente enxerga a situação com as lentes da dualidade, nossos dois olhos (por isto são dois). Esta decomposição serve para organizarmos como se fosse uma “peça de teatro” dentro de nossas mentes, uma novela, um filme.

Alguns dizem que somos espíritos e então resolvemos vir para a terceira dimensão, o mundo físico. Neste mundo, resolvemos assumir papéis, do lado do bem ou do mal. …

NOSSO CORPO E A DUALIDADE

Imagem
NOSSO CORPO E A DUALIDADE

A primeira divisão da dualidade em nossos corpos e espíritos veio com nossa separação dos sexos, entre homens e mulheres. Esta divisão faz com que instintivamente e inconscientemente nós busquemos um outro que nos complemente, precisamos do outro para viver.


Almas Gêmeas

Como fomos divididos em sexos opostos, com características próprias, precisamos desenvolver a aceitação, a tolerância e a paciência para com estas diferenças que são tão complementares e tão necessárias para funcionarmos no dia a dia. Os aprendizados das almas gêmeas, dos relacionamentos amorosos, do casamento são dos mais importantes, afinal é a intimidade e o cotidiano que constitui a nossa vida verdadeira.

A Energia Masculina e a Energia Feminina
O segundo chacra é o da dualidade. É o chacra da sexualidade, das energias masculina e feminina do nosso corpo.

O símbolo da dualidade que lida com estas energias é o Yin e Yang, que são as energias feminina e masculina respectivamente.




Para compree…

DUALIDADE E ELEMENTOS

Imagem
DUALIDADE E ELEMENTOS

As tradições xamânicas, o taoísmo, a medicina chinesa, o hinduísmo e a magia celta falam sobre os 4 elementos (alguns falam de 5). Alguns destes elementos são opostos entre si.


O elemento água é o oposto do elemento fogo.

A água significa intuição, dons artísticos, tendência a absorver energias, empatia, instinto maternal, uma pessoa mais emocional, sentimentos profundos, auto-proteção, pessoas que preferem privacidade. Em desequilíbrio, podem ter uma personalidade que se vicia.

O fogo fala de pessoas que são inspiradas, confiantes, que conseguem assumir o controle, tem entusiasmo, são pessoas de ação, divertidas, excitantes, exploradoras e que abrem os caminhos trazendo mudanças. Em desequilíbrio, podem se tornar pessoas muito controladoras.

O elemento terra é o oposto do elemento ar.

O elemento terra é característico de pessoas ligadas mais ao plano físico, são práticas, firmes como uma rocha, que gostam de estabilidade, quando equilibradas vivem no aqui e agor…

DUALIDADE NO MUNDO FÍSICO

Imagem
DUALIDADE NO MUNDO FÍSICO

A dualidade se manifesta em tudo o que enxergamos e sentimos no mundo físico, porque são conceitos que formamos para entender esta realidade. Como frio, calor; claro, escuro; seco, molhado. 
Quando pensamos no mundo físico, não existe melhor ou pior, certo ou errado. Apenas são conceitos e é como a natureza se configura. Se estamos em um ambiente muito frio, precisamos de calor para manter o equilíbrio e ficarmos bem de saúde. Se o ambiente é calor demais, precisamos de frio para ficarmos bem. Tudo depende das circunstâncias.


É como Lulu Santos em “Certas Coisas”.

CONTINUAR EM:
Definição O Tao Te Ching e a Dualidade Dualidade no mundo físico Dualidade dos Elementos Nosso corpo e a dualidade Dualidade no Mundo Emocional e Espiritual Animus e Anima e o Nosso Inconsciente Dualidade e Chacras Dualidade e Símbolos Esotéricos Dualidade e Signos do Zodíaco

VOLTAR PARA:
UNICIDADE E DUALIDADE 

O Tao Te Ching e a Dualidade

Imagem
O TAO TE CHING E A DUALIDADE

O Tao Te Ching ("Tratado do Caminho da Virtude") surgiu na China em 250 a 350 a.C. por Lao Zi. Tem aproximadamente 5 mil palavras e foi encontrado escrito em bambu.


O Tao Te Ching é semelhante à Gênese da Bíblia quando fala que "(...) nomear é a mãe de todas as coisas.", pois a Bíblia diz que no princípio era o verbo, ou seja o "nomear".

Depois, no segundo capítulo, quando o nome é manifestado, começam os conceitos descritivos do que foi criado, em opostos, em dualidade. O símbolo Yin e Yang aparece no capítulo 42 do Tao Te Ching, onde se fala sobre estes opostos complementares.

O objetivo do Tao Te Ching é fazer com que a pessoa consiga se colocar na posição de observador desta realidade e compreendê-la, para aprender a desenvolver suas virtudes a partir destes conceitos, o que seria chegar à unicidade.

CONTINUAR EM:
Definição O Tao Te Ching e a Dualidade Dualidade no mundo físico Dualidade dos Elementos Nosso corpo e a dualidade