terça-feira, 26 de agosto de 2014

Humanos de Procyon

Humanos de Procyon

Nota da autora do blog: Sinceramente tem vezes que é difícil acreditar nestas coisas que encontro nos livros. Eu mesma duvido um pouco. Portanto, sinta-se livre para duvidar também. Informações colhidas do livro "Your Galactic Neighbors" de Sheldan Nidle e "Who Is Who In The Greatest Game of History" (Rolf Waeber).

Procyon, do grego "Pro" (antes) "kuon" (cão), antes do cão, que seria o cão de Sirius. Procyon é a principal estrela da constelação Cão Menor (Alpha Canis minoris), que precede Sirius (da constelação de Cão Maior) quando o céu da noite surge no hemisfério norte.


A constelação fica ao lado de Câncer, Órion, Gêmeos e Hydra. Mais abaixo está Cão Maior (com Sirius).


A estrela Procyon está presente na bandeira do Brasil. Representa o estado do Amazonas.


Será que as estrelas e as constelações da bandeira do Brasil mostram algumas populações das estrelas que vieram para este país?

MUNDOS DE PROCYON

Há dois mundos muito parecidos com a Terra, com bastante água, em volta de Procyon A (pois Procyon em verdade é um sistema binário estelar). Ao todo, são seis planetas em torno de Procyon A. Em Procyon B não há planetas.




Outros são gigantes gasosos e um é muito árido.



HUMANOS DE PROCYON

Os humanos de Procyon são provenientes de Sirius. Eles são cientistas planetários e exploradores.  Eles tem origem em Lyra e Sirius.

APARÊNCIA ESPIRITUAL (FÍSICA)

A princípio, encarnados como humanos, os humanos de Procyon teriam a aparência de nórdicos, ou suecos. Eles seriam capazes de se comunicar por telepatia.



Estas são representações artísticas de seres de Procyon baseadas no que significa Procyon na ciência da biologia, o gênero animal Procyon, que seria das espécies de texugos, guaxinins, quatis. Existe a teoria de que os humanos de Lyra e Vega seriam derivados de felinos e teriam alguns traços dos felinos.

O mais interessante é que a própria Disney usou seres parecidos com guaxinins, texugos e quatis para representar seres de Procyon em um jogo eletrônico,  porém colocaram como se os humanos de Procyon não gostassem da Terra.


Este é Rocket Raccoon, do filme "Guardiões da Galáxia", baseado na história em quadrinhos da Marvel. Cabe lembrar que Stan Lee, o criador da Marvel (DC Comics) também tem uma série de TV que se chama "Os Super Humanos de Stan Lee", que acaba por ir atrás e localizar pessoas com poderes ditos sobre humanos (alguns destes poderes são mediúnicos que as pessoas todas conseguirão ter daqui a um tempo e alguns santos e médiuns antigos tinham). Provavelmente a história em quadrinhos é baseada nestas histórias sobre extraterrestres. O nome Rocket deve ser baseado em Rocky Raccoon, dos Beatles, pois Raccoon é o nome do guaxinim em inglês.


Aqui uma arte do filme, com vários seres das galáxias:


Um trailler do filme:


Trailler legendado em português.


Desenhos de artistas representando seres de Procyon.





É interessante perceber que Hollywood sempre retrata tudo e todas as histórias com armas pesadas e sempre há uma guerra, um conflito a ser resolvido. 

É engraçado pensar em tudo isto. E em Harry Potter, há a Escola ou Casa de Lufa Lufa, com o brasão com um texugo representando:


De acordo com Harry Potter, as qualidades das pessoas em Lufa Lufa seriam de terem paciência, dedicação, jogo justo, trabalho duro, bondade, tolerância.

Assim como a Casa da Sonserina (Slytherin) em Harry Potter é dos Dragões e da Serpente (dos reptilianos). Eu sei que rosacruzes, maçons, teosofistas acreditam em extraterrestres e praticam magia (informações de pessoas lá de dentro que conheço que contaram). Seria coincidência encontrar escolas de magia ligadas a origem galáctica de certas pessoas que provavelmente tem uma mediunidade mais apurada e seriam considerados magos por conseguirem fazer o que se considera como magia (mediunidade)?

NAVES DE PROCYON

As naves podem estar apenas na quarta dimensão ou quinta dimensão ao invés de serem de matéria, afinal muitas das pessoas que enxergam as mesmas são médiuns. Este relato é proveniente de Sheldan Nidle, que é um médium e viu as naves a nível mediúnico. De fato, em um site eles dizem que as naves são feitas através de energia, através da consciência e depois se cristalizam em entidades com um certo nível de consciência, conectadas com o piloto. E que os humanos de Procyon viajam através do astral, apenas em viagem astral ou com suas Merkabas.

A nave mãe tem forma de água viva. Quem sabe seja algo deste tipo.


Quem sabe assim:


Ou então algo assim:

Esta foto aqui tem mais cara de photoshop, sinceramente. Proveniente deste site aqui: Jellyfish shaped UFO photographed over Denmark


Ou quem sabe assim:



Já apareceu um círculo em plantação na forma de uma água viva:


Há outras naves em forma de besouro que poderiam ser como estas:



Ou assim:


Ou como esta aqui:


De qualquer maneira, o besouro ou escaravelho é um símbolo conhecido no Egito Antigo, com aparência de ser uma nave, assim como o disco solar ou disco alado.



Há também um círculo na plantação com a forma de besouro:


Há outras naves em forma de floco de neve:


Assim como existem círculos nas plantações em forma de floco de neve:


Há também as naves em forma de gota que poderiam ser como estas:


Ou assim:


Quem sabe este crop circle fale sobre naves em forma de gota de água.


HISTÓRIA GALÁCTICA

O que dizem da história galáctica dos humanos de Procyon:

Os humanos de Procyon vieram de Sirius e inicialmente se instalaram como colônia de Sirius em Procyon. Eles fizeram um acordo com anfíbios-reptilianos que vieram para Procyon refugiados e perseguidos pela Aliança de Ancara (uma aliança trevosa dos Draconianos), numa guerra que ocorria em Câncer. Como acordo, os anfíbios-reptilianos fizeram o pedido de que poderiam eles mesmos desenvolver seus corpos de luz e habitar corpos de luz. Isto foi concedido e ambos humanos e anfíbios-reptilianos foram admitidos na Confederação Galáctica de Luz há 3,78 milhões de anos atrás (de "Your Galactic Neighbours", Sheldan Nidle).

Aqui neste arquivo "Reptilianos do Interior da Terra (Parte I)", diz-se que humanos de Procyon teriam vindo para a Terra atrás do cobre e teriam entrado em conflito com reptilianos que seriam os dinossauros representados nas Pedras de Ica. Isto seria há milhões de anos atrás.


Os humanos de Procyon teriam tomado parte da batalha espacial contra a aliança de Dracos e Reptilianos de Hydra e Greys de Orion. Esta aliança teria sido derrotada. Esta batalha teria no lado da Terra os humanos de Procyon e outros que fazem parte do Conselho de Andrômeda (ou Federação de Andrômeda). Os humanos de Procyon teriam se livrado dos Greys que estavam em seu sistema e assim se tornaram experts em eliminá-los. (Fonte: The Real Back Story).

Um comentário:

  1. Nossa, que viagem. Tenho três sinais no meu braço direito que seu posicionamento lembram Proxyon, Sirius e betelgeuse... estava buscando ideias para uma tatuagem e me deparei com seu blog.

    Boa Sorte.

    ResponderExcluir